Império Seljúcida, dirham, prata, 1240 a 1243 dC, sol e leão, sultão Kaykhusraw II

1 em estoque

Categoria: Tag:

R$450,00

Descrição

Império Seljúcida

Sultão Ghiyath al-Din Kaykhusraw II ibn Kayqubad

634-643 AH (1236-1245 dC)

Dirham, prata, 1240 a 1243 dC, 21 x 16 mm, 2,2 g, quebrada, cunhada em Siwas

Anverso: leão passant à direita, entre estrelas e abaixo do sol. Inscrição “O Imam Al-Mustansir, comandante dos que crêem”

Reverso: Inscrição “O Supremo Sultão Kaykhusraw ibn Kayqubad”

 

Linda moeda medieval, cheia de significado e importância histórica.

Diz a lenda que este sultão ficou tão fascinado com a beleza de sua esposa que queria estampar o rosto dela em suas moedas. Seus conselheiros o advertiram a não fazer isso pois feriria os princípios do islã, já que é proibida a representação de pessoas segundo os costumes religiosos. Sendo assim, sua esposa Rusudan foi representada pelo seu signo zodiacal: leão.

Esta moeda foi cunhada antes que a invasão mongol fosse vista como uma ameaça séria. É bem provável que o leão e o sol no anverso da moeda pretendessem demonstrar aos analfabetos de Kaykhusraw o poder do estado seljúcida e de seu governante, porque, em termos astrológicos, o sol em Leão representa poder e majestade.

Seja lá qual for a verdade a respeito do desenho desta moeda, o fato é que em 1243 tanto os seljúcidas como muitos de seus vizinhos foram conquistados pelo Império Mongol.

É interessante notar que os governantes seljúcidas foram os primeiros a introduzir o desenho do leão e do sol em suas moedas. Os descendentes dos mongóis colocaram este símbolo em um fals de cobre quase cem anos depois. A partir daí, tornou-se uma tradição ornamentar as moedas de cobre da região com o sol e o leão, particularmente no Irã, onde acabou se tornando o símbolo nacional do país.

Informação adicional

Peso 70 g
Dimensões 250 x 100 x 10 mm

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Império Seljúcida, dirham, prata, 1240 a 1243 dC, sol e leão, sultão Kaykhusraw II”